top of page

Secretário de Estado João Paulo Catarino visita Moreirola

O responsável pela tutela da conservação da natureza e florestas acompanhado pelo presidente da Câmara de Figueira de Castelo Rodrigo, Carlos Condesso, pelo presidente da FlorestGal, José Gaspar, e pelos parceiros do projeto REACT MORE, Florestwise e APATA assistiram ao desenvolvimento dos trabalhos de reflorestação e combate à desertificação na Quinta da Moreirola.


A limpeza e desbaste da área de intervenção é uma das primeiras etapas da execução do projeto #REACT More, com os objetivos de rearborizar e promover o aumento da fixação de carbono e nutrientes no solo numa área com 270 hectares, na propriedade da FlorestGal. A empresa realizou o levantamento arqueológico da zona abrangida pelo projeto, antes das máquinas iniciarem o arranque dos cepos de árvores em fim de vida.

A intervenção contempla a regeneração natural de sobreiros e azinheiras, a reconversão de áreas de eucaliptal para povoamentos de espécies autóctones, bem como a recuperação das linhas de água. Serão plantadas mais de 200 mil árvores como o sobreiro, azinheira, medronheiro, freixo e lódão-bastardo.


Resiliência, combate à desertificação, mitigação das alterações climáticas fazem parte de uma agenda partilhada com a comunidade local.

Este projeto emblemático da FlorestGal na Quinta da Moreirola, situada na encosta da Serra da Marofa tem uma abordagem integrada quer na ação quer nos objetivos. O combate à desertificação, através da recuperação dos solos e dos ecossistemas degradados de um antigo eucaliptal, numa área classificada com elevada suscetibilidade e a mitigação das alterações climáticas são objetivos a alcançar a medio prazo. O REACT MORE dedica também uma parte do investimento à recuperação de linhas de água, à monitorização das ações e ao envolvimento e sensibilização da comunidade, sobretudo os mais jovens.




Comments


bottom of page